pexels-dima-valkov-3314866

Conheça algumas histórias sobre a origem da árvore de Natal e o dia certo para montá-la

A árvore de Natal é um dos símbolos mais populares das celebrações natalinas. Normalmente, pode ser um pinheiro ou até mesmo uma artificial (feita de plástico e com várias cores diferentes). Seguindo a tradição, as famílias enfeitam a árvore com objetos que simbolizam o Natal (como bolas de várias cores, pinhos, neve artificial, etc.) e luzes coloridas.

Há várias tradições que explicam sua origem. De acordo com pesquisadores das tradições cristãs, a montagem de árvore de Natal teve início no ano de 1530, na Alemanha, com Martinho Lutero. Numa determinada  noite, enquanto andava pela floresta, Lutero ficou impressionado com os lindos pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a formar a imagem que Lutero reproduziu com galhos de árvore em sua residência. Além das estrelas, algodão e outros ornamentos, Lutero usou velas acesas para mostrar aos seus familiares a linda cena que havia visto na floresta.

Há uma outra teoria que remonta ao século VIII, a qual diz que o monge beneditino São Bonifácio tentou acabar com uma crença pagã que havia na Turíngia, para onde fora como missionário. Com um machado cortou um pinheiro sagrado, que os locais adoravam no alto de um monte, e como teve insucesso na erradicação da crença, decidiu associar o formato triangular do pinheiro à Santíssima Trindade e suas folhas resistentes e perenes à eternidade de Jesus, nascendo assim a Árvore de Natal.

Uma terceira tradição remonta à Idade Média. Diante das igrejas – como prelúdio das festas de natal – era encenada a história do pecado original, cujo centro estava na árvore da tentação e no seu fruto (a maçã), que na noite de Natal reconquistavam a dignidade perdida, isto é, aquela paradisíaca. Estas encenações deram à árvore de natal o seu significado cristão.

Nas encenações diante das igrejas se colocavam nas árvores maçãs para lembrar da história de Adão e Eva no paraíso. Mais tarde, as maças foram substituídas pelas bolas de vidro que usamos ainda hoje.À medida que a árvore passou das praças às casas, como se pode ver em certas descrições de árvores do século XVII, começou-se a pendurar na árvore, junto com as maçãs, também a hóstia (certamente não consagrada). Com isso procurava-se transmitir a mensagem de que depois da maçã, que levou o homem ao pecado e à morte, vem a hóstia, a Eucaristia que doa graça e vida.

Depois começaram a ser usados outros símbolos para decorar a árvore. Conta-se que em Estrasburgo usavam-se rosas, cortadas em papel colorido, lembrando Isaías 11,1, que diz que do tronco de Jessé brotará um rebento, além de placas douradas, que se movimentavam e provocavam pequenos barulhos, lembrando os dons trazidos pelos reis magos.

Não se sabe exatamente em qual cidade ela tenha surgido. Durante o século XIX a prática foi levada para outros países europeus e para os Estados Unidos. Apenas no século XX essa tradição chegou à América Latina.

Qual o dia correto para montar a árvore de natal?

O dia para montar a árvore de Natal varia em cada país. No Brasil, é no primeiro domingo do advento, data que começa exatos quatro finais de semana antes de 25 de dezembro.

pexels-farhan-ullah-baig-1053845

Instagram para católicos – Lançai as redes

Influência do Instagram

Inicialmente o Instagram era uma rede completamente baseada em fotografias acompanhadas de pequenos textos. Atualmente é uma rede complexa que integra fotos, vídeos, transmissões ao vivo, e-commerce e muita interação. Foi criada em 2010 pelo brasileiro Mike Krieger e o americano Kevin Systrom, pertencendo hoje ao Facebook. A rede social já possui mais de 1 bilhão de membros ativos.

No Brasil, são 69 milhões de usuários em 2019 e possui o maior índice de engajamento entre as redes sociais. Não está convencido do sucesso da rede? Confira alguns dados da pesquisa realizada pela empresa Opinion Box no Brasil, publicada em julho deste ano:

  •  70% dos entrevistados disse ter uma conta e acessar a rede social;
  •  67% dos entrevistados acessam o Instagram várias vezes ao dia;
  •  47% prevê que vai usar cada vez mais o Instagram, nos próximos 12 meses consecutivos à pesquisa;

Em relação aos hábitos de consumo, 63% diz gostar muito de stories, 34% os publica ao menos uma vez ao dia e 77% assiste diariamente. Ainda assim, a maioria (63%) posta mais fotos e vídeos no feed.

Católicos e o Instagram

Vamos mostrar para vocês alguns perfis católicos com maior alcance na plataforma. Separamos em algumas categorias para ficar mais fácil a visualização.

  • Clero

1)      Padre Fábio de Melo – 16,8 milhões de seguidores

2)      Papa Francisco – 6,3 milhões de seguidores

3)      Padre Marcelo Rossi  – 3,2 milhões de seguidores 

  • Comunidades Católicas

1)      Comunidade Canção Nova – 1,8 milhões de seguidores

2)      Comunidade Colo de Deus – 483 mil seguidores

3)      Comunidade Shalom – 245 mil seguidores 

  • Bandas Católicas

 1)      Rosa de Saron – 481 mil seguidores

2)      Missionário Shalom – 211 mil seguidores

3)      Anjos de Resgate – 157 mil seguidores

  • Cantores Católicos

 1)      Tony Alysson – 593 mil seguidores

2)      Thiago Brado – 486 mil seguidores

3)      Eliana Ribeiro – 450 mil seguidores

  •  Empresas Católicas

1)      Loja Canção Nova – 366 mil seguidores

2)      Minha Biblioteca Católica – 141 mil seguidores 

3)      Tecido do Céu – 92 mil seguidores

Esses são apenas alguns perfis católicos que tem usado o Instagram para evangelizar e muitos outros tem feito esse trabalho. Essa rede social pode ser uma ótima ferramenta para atrair pessoas – principalmente jovens – para a Igreja. E não só atrair, mas manter os que já estão inseridos, por meio de conteúdo relevante que ajude as pessoas a se elevarem em virtude e conhecimento da Santa Igreja.

Como exemplo, temos o beato Carlo Acutis, que utilizou suas habilidades informáticas, colocando-as a serviço do Evangelho e da Igreja, por meio de um site dedicado aos milagres eucarísticos e à vida dos santos. Por meio da Internet, Carlo levou Jesus para as pessoas e pode ser considerado como um modelo de referência para quem trabalha no mundo da comunicação social.

Agora que você já sabe como essa rede pode ser um meio super eficaz, vem a pergunta: Eu devo ter uma conta para evangelizar? Para começar é preciso fazer uma avaliação. Antes de sair abrindo uma conta no Instagram para a sua paróquia, grupo de oração ou até uma conta pessoal ou empresarial, pare e pense com o auxílio de muita oração, pesquisa e profissionais da área.

Se, após feita uma avaliação, você chegou a uma conclusão positiva, então se prepare: o Instagram será uma ótima ferramenta de evangelização. Confira também nas postagens do blog sobre a importância do marketing de conteúdo, que é muito relevante para o engajamento dos seus seguidores.

Caso você queira uma ajuda profissional para auxiliar no mundo digital, preencha com seus dados este formulário.

 Comente abaixo qual o instagram católico você mais gosta!

Estamos unidos na oração e no trabalho!

blog b16 (1)

B16 fica entre as dez finalistas em premiação da RD Station

A agência B16 foi indicada na categoria “Agência Revelação” do ano de 2019 por meio da parceria com a RD Station, uma das principais plataformas de marketing e que nos possibilita trabalhar muito bem o Inbound Marketing dos nossos clientes e parceiros.

Este programa de parceria promoveu alguns concursos e premiações, e concorremos nesta categoria por estarmos há menos de 1 ano utilizando a plataforma. Entre 600 agências dentro desta categoria, a B16 entregou, com apenas 5 meses, resultados o suficiente para estar entre as dez finalistas.

Os requisitos para se classificar não se deram por votação nem indicação, mas foram baseados em resultados obtidos na quantidade, tanto de clientes que nossa agência trouxe para a parceria, quanto, dentre esses, que obtiveram resultados e também os que não saíram.

B16: uma parceria de sucesso

O mais expressivo deles foi por meio do Instituto Angelicum e a Conecte HS, nossos primeiros clientes que apostaram na entrada desse novo serviço que incorporamos em nossa cartela de serviços neste ano de 2019, o Inbound Marketing e o Marketing de Conteúdo.

Hoje, podemos comprovar que vivemos o que pregamos em nossa missão, visão e valores: o fato de uma agência ser católica e ter valores cristãos não a deixa menos lucrativa ou com dificuldades de se posicionar. Isso, pelo contrário, nos diferencia e nos faz progredir, já que acreditamos na providência divina e que apenas nossos esforços não são suficientes. Pela oração e pelo trabalho pudemos ficar entre as dez finalistas da premiação.

Foi incrível a experiência de participar do maior evento de marketing digital da América Latina, com a presença de tantos gestores e equipes competentes. Com esse resultado, queremos testemunhar que vale a pena caminhar segundo a Doutrina Social da Igreja, e que é muito importante viver o evangelho também no trabalho e, com isso, evangelizar e alcançar almas.

Graças sejam dadas a Deus por tantas bênçãos! Esperamos ano que vem estar novamente entre os finalistas.

“Em todas as circunstâncias, dai graças, porque esta é a vosso respeito a vontade de Deus em Jesus Cristo.” (1Ts 5, 18).

Estamos unidos na oração e no trabalho! 

Entenda o que é SEM e seus benefícios para o Marketing Digital Educacional

Para ter uma conectividade eficaz para sua escola com o seu público alvo, é importante estar atento aos principais pontos do marketing digital. Assim, a sua escola estará bem alinhada com as diversas práticas do marketing, sendo um diferencial no mercado. Para ajudar a sua instituição, fizemos uma breve explicação sobre o que é Search Engine Marketing (SEM) e seus benefícios.

Search Engine Marketing ou Marketing de busca é uma especialidade do marketing online que tem como objetivo colocar os sites e suas páginas individuais em destaque nas páginas de respostas dos grandes buscadores, como o Google. Há duas dimensões dentro do SEM: o SEO, que vem da expressão em inglês Search Engine Optimization (otimização para mecanismos de busca) e os Links Patrocinados.

Vamos explicar a função de cada um!

SEO

Com a criação de conteúdo exclusivo para sua escola, é necessário definir técnicas e estratégias que visam potencializar e melhorar o posicionamento do site nas páginas de busca, gerando mais visitas e conversões. O SEO (Search Engine Optimization), dessa forma, entra em jogo para aumentar a visibilidade nas buscas orgânicas; assim, você alcançará professores, alunos e pais, ou seja, a comunidade que faz parte do seu nicho, que no caso é o educacional.

O posicionamento dos resultados na área de busca orgânica depende da relevância do site, que é uma consequência direta de seu conteúdo e estrutura. Para estar nestas posições, não é necessário pagar nada, mas seu posicionamento depende da sua relevância e também de algumas técnicas de otimização de sites aplicadas.


Links Patrocinados

A segunda dimensão de SEM são os links patrocinados, que nada mais é do que posições pagas nas páginas de respostas dos buscadores. São anúncios pagos para veicular na internet tanto em páginas de busca quanto em sites associados que alugam seus espaços em troca de uma participação na receita gerada por estes anúncios.

Devido a esses fatores, é importante focar nos conteúdos exclusivos e atividades diferenciais que a sua escola propõe, para atrair a necessidade dos pais em colocar seus filhos em uma instituição que atenda seus desejos. Dessa forma, cria-se autoridade de domínio e aumenta o número de visitantes.

Os patrocinados são, na maioria das vezes, os primeiros resultados listados na SERP – Search Engine Result Page (página que exibe os resultados de uma busca), mas tem uma taxa de cliques bem diferente dos resultados orgânicos. Isso não porque sejam uma estratégia pior que SEO, mas porque é um posicionamento diferente em termos de marketing nas SERP’s.

Como podemos observar, o SEM e o SEO andam juntos, mas não são nada sem conteúdo de relevância. Assim, é preciso definir pautas, iniciando produções e rotinas de postagens. A função do conteúdo é ser a voz da empresa, de maneira que relacione com o público da escola.

Dessa forma, é muito importante a criação de uma persona, afinal ajuda a entender melhor qual é seu público para saber quais as melhores estratégias adotar. Com esses passos, você já pode melhorar o engajamento da sua escola e ter um diferencial para sua empresa.

Para aprofundar no assunto e ampliar o conhecimento sobre performance de site, participe da nossa consultoria gratuita

Estamos unidos na oração e no trabalho!